Atendimento (31) 3491-1921 (31) 99127-7191 (WhatsApp) Atendemos somente em dias úteis de Segunda à Sexta-feira das 9 ás 18h

RPA - Robotic Process Automation

Você sabe o que é RPA?

Não, não é o Recibo de Pagamento a Autônomo, documento exigido para todos os profissionais contratados por empresas sem vínculo empregatício com elas.

Mas sim, a Robotic Process Automation  (automação de processos por robôs ou RPA) é uma forma de tecnologia de automação de processos de negócios baseada em robôs de software metafóricos (bots) ou inteligência artificial (AI) / trabalhadores digitais.

Nas ferramentas tradicionais de automação de fluxo de trabalho, um desenvolvedor de software produz uma lista de ações para automatizar uma tarefa e uma interface com o sistema de back-end usando APIs (interfaces de programação de aplicativos internas) ou linguagem de script dedicada. Por outro lado, os sistemas RPA desenvolvem a lista de ações observando o usuário executar essa tarefa na interface gráfica do usuário (GUI) do aplicativo e, em seguida, executar a automação repetindo essas tarefas diretamente na GUI. Isso pode reduzir a barreira ao uso da automação em produtos que, de outra forma, não poderiam apresentar APIs para esse fim.

As ferramentas RPA têm fortes semelhanças técnicas com as ferramentas gráficas de teste da interface do usuário. Essas ferramentas também automatizam interações com a GUI, e geralmente o fazem repetindo um conjunto de ações de demonstração executadas por um usuário. As ferramentas RPA diferem dos sistemas que permitem que os dados sejam manipulados em e entre vários aplicativos, por exemplo, recebendo email contendo uma fatura, extraindo os dados e digitando-o em um sistema de contabilidade.

O QUE É RPA?

O RPA é simples - e poderoso - software de automação de processos de negócios. A Automação Robótica de Processos permite que você crie ferramentas para criar seus próprios robôs de software para automatizar qualquer processo de negócios. Seus "bots" são configuráveis para executar as tarefas que você atribui e controla.

O RPA é um software que pode ser configurado com regras de negócio para executar sequências de ações de forma automática. Essa tecnologia interage com a interface visual dos sistemas, da mesma maneira que um ser humano faria, ou seja, utilizando elementos da tela como campos de formulários, botões, links, janelas e outros. Os robôs RPA podem aprender. Eles também podem ser clonados. Veja como eles estão funcionando, ajuste e dimensione conforme desejar.

SOFTWARE DE RPA AGILIZA RESULTADOS

Pense no RPA como sua força de trabalho digital. Mostre aos seus bots o que fazer e deixe-os trabalhar.

RPA é uma tecnologia que permite automação não assistida, sem supervisão humana. Em geral, a execução é apenas agendada com um compromisso e o robô, de maneira completamente independente e utilizando seus recursos próprios (Computador virtual, credenciais de aplicações, conta de e-mail), inicia uma sessão do processo, extrai o volume de trabalho e executa cada caso.

Os bots de RPA têm o mesmo conjunto de habilidades digitais que as pessoas e podem interagir com qualquer sistema ou aplicativo da mesma maneira que você - desde copiar e colar até corrigir dados e fazer cálculos, portanto, não há necessidade de alterar sistemas ou aplicativos de negócios subjacentes ou qualquer parte processos de negócios existentes para automatizar.

Robotic Process Automation (RPA) é uma nova ferramenta tecnológica que automatiza partes ou atividades inteiras de processos de negócio. Com esta tecnologia, robôs de software executam uma sequência de passos de um trabalho através da interação com a interface de usuário (telas de sistemas) da mesma forma que uma pessoa faria. Isto possibilita o transporte de informações entre sistemas de forma automática, podendo substituir as tradicionais e mais custosas integrações com API.

ONDE SÃO ÚTEIS?

Processos com alto volume de transações e repetitivos onde demandam tempo significativo das pessoas e podem aumentar a margem de erros nos processos.

Processos de alto valor onde erros ou atrasos podem trazer consequências graves.

Processos de alto risco onde a agilidade e assertividade que o robô proporciona minimizar os riscos.

O QUE PODE FAZER OS ROBÔS?

ENTRADA DE DADOS

  • E-mail
  • Web services
  • ERP, CRM e outros
  • Planilhas
  • Workflow
  • Banco de dados
  • PDF
  • Etc

AÇÕES COM APLICAÇÕES E OUTROS SISTEMAS

  • Clickar
  • Comparar
  • Extrair
  • Copiar
  • Rodar programas e aplicações
  • Etc

SAÍDA DE DADOS

  • E-mail
  • Web services
  • ERP, CRM e outros
  • Planilhas
  • Workflow
  • Banco de dados
  • Relatórios
  • Etc

O processo define uma categoria de ferramentas que permite que um agente automatizado, robo?, substitua atividades manuais repetitivas como, por exemplo, acessar diversos sistemas para copiar informac?o?es e inseri-las em outro.

Utilize RPA para processar uma transac?a?o, manipular dados, desencadear respostas automa?ticas e comunicar com outros sistemas digitais, aplicando intelige?ncia artificial quando necessa?rio.

 

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DO RPA?

  • Maior rentabilidade com a diminuição de custos operacionais e eficiência operacional
  • Escalabilidade e flexibilidade, ajuste de acordo com a sua necessidade ou demanda
  • Libera e aumenta os recursos humanos para as atividades que requerem habilidades humanas
  • Redução de erros e eliminação de riscos associados a erros humanos
  • Otimização de tempo, processamento de atividades fora do horário de trabalho

O ROI do RPA é derivado de várias áreas de impacto. Os benefícios quantificáveis ??imediatos incluem redução drástica de erros e economia de conformidade e auditoria, mas o RPA proporciona um retorno ainda maior do investimento, facilitando a transformação digital, permitindo oportunidades de receita incrementais e liberando recursos para se concentrar em melhorias de processo e trabalho de valor agregado.

Deixe seus funcionários livres para se concentrarem em trabalho de maior valor agregado, automatizando tarefas manuais repetitivas.

As grandes e pequenas empresas podem aproveitar os benefícios das automações com RPA, agilizando tarefas de back office e middle office em uma ampla gama de áreas — incluindo seguros, finanças, compras, gerenciamento de cadeia de suprimentos (SCM), contabilidade, gerenciamento de relacionamento com clientes (CRM) e gestão de recursos humanos (HRM).

Soluções de RPA são especialmente úteis para organizações que possuem muitos sistemas diferentes e complexos, que precisam interagir de forma fluida e que atualmente são integrados por meio de pessoas que copiam, interpretam, manipulam e colam dados de um sistema para outro.

A Automação de Processo Robótico (RPA) oferece um grande potencial para as empresas ficarem mais inteligentes e eficientes. As organizações de sucesso serão aquelas que abraçarem a mudança associada a essa inovação e reorientarão sua força de trabalho para maximizar o valor dessa iniciativa. Em relatório da Deloitte Global indica que as empresas que ainda não consideram a automação como um componente de um ecossistema de trabalhadores mais amplo perderão oportunidades significativas de eficiência, aprimoramento da qualidade, mitigação de riscos, inovação e, finalmente, crescimento.

RPA para reduzir custos, agilizar resultados e aumentar a receita é a forma mais inteligente de modernizar a rotina de uma empresa, aumentando a produtividade e garantindo a qualidade de entrega das a?reas de nego?cio.

Evolução

Como uma forma de automação, o conceito existe há muito tempo na forma de raspagem de tela (coleta programática de dados visuais de uma fonte), que pode ser rastreada até as formas iniciais de malware. No entanto, o RPA é muito mais extensível, consistindo na integração da API a outros aplicativos corporativos, conectores em sistemas ITSM, serviços de terminal e até alguns tipos de serviços de IA (por exemplo, aprendizado de máquina), como reconhecimento de imagem. Considera-se uma evolução tecnológica significativa no sentido de que estão surgindo novas plataformas de software suficientemente maduras, resilientes, escalonáveis e confiáveis para tornar essa abordagem viável para uso em grandes empresas (que de outra forma ficariam relutantes devido aos riscos percebidos para a qualidade e a reputação).

Em 8 de julho de 2019, o Gartner publicou seu primeiro Quadrante Mágico para RPA, que é sua primeira avaliação de fornecedores no mercado de RPA. O UiPath foi nomeado líder, seguido pelo Blue Prism e Automation Anywhere, mas existem também opções em código livre.